sexta-feira, 16 de março de 2012

A arte da Topiária. As melhores espécies de plantas para esculpir.

Topiária é o nome que se dá à arte de esculpir plantas. As árvores e os arbustos adquirem formas que são consideradas verdadeiras obras de arte. Conheça, nesta postagem, algumas espécies de arbustos indicados para fazer topiária e algumas regras básicas da técnica.

Topiárias
by Telma M.
O que é topiária? A topiária é a arte de esculpir arbustos, árvores e plantas com formas diversas. É uma prática muito antiga, há quem diga que remonta ao antigo Egito, embora tenham sido os romanos que a difundiram e batizaram. É um modo artístico de podar plantas. Você gosta de trabalhar com terra e plantas? Gosta de topiária?
Se quiser saber como fazer uma topiária, veja o artigo: Topiária – as plantas vivas esculpidas. 

Aqui eu vou mostrar quais são as melhores espécies de arbustos utilizados para preparar uma topiária e também como cuidar delas depois de formadas.
Existem muitas plantas que se prestam bem para a técnica da topiária, mas algumas se adaptam melhor.

São dois os tipos ideais:
As que têm crescimento denso, com muitas folhas e que aceitam qualquer formato e as que têm crescimento irregular, dão flores e só aceitam a forma redonda.

Vamos ver quais são elas?
As plantas de crescimento denso:
Nesse grupo, encontra-se aqui no Brasil o buchinho ou “Buchus sempervirens”, o azevinho ou “Ilex aquifolium”, o ligustro ou “Ligustrum ovalifolium”, o piracanto ou “Pyracantha spp”, o alecrim ou “Rosmarinum officinalis” e o taxus ou “Taxus bacacata ou Taxus cuspidata”.

A arte da Topiária

Entre as plantas floríferas podem ser usadas: A azaléia (Azaleia ssp), a hortência (Hydrangea paniculata), o hibisco (Hibiscus spp) e o brinco de princesa (Fuchsia híbrida).

Hortências. Um modo de fazer topiária

Algumas regras básicas devem ser seguidas para ter sucesso com sua topiária
- enquanto a planta estiver jovem devem ser podadas até 4 vezes por ano, depois reduza as podas para 2 vezes por ano.
- Não se deve podar durante o inverno, nesse período as plantas estão em repouso, o melhor é a primavera.
- as plantas floríferas jovens devem ser podadas duas vezes ao ano, três meses depois da floração e dois meses após a primeira poda. As plantas adultas devem ser podadas uma vez ao ano após a floração.

- Use alicates de poda em boas condições, para não ferir as plantas.
- Logo após as podas, faça adubação mensal, com NPK (Nitrogênio, Fósforo e Potássio) numa mistura balanceada. As floríferas devem receber adubo especial dois meses antes do surgimento dos botões.
- durante o inverno deve-se interromper as adubações para deixar as plantas descansarem.
- as regas devem ser duas a três vezes por semana durante o verão e duas no inverno.
Bibliografia: revista Claudia n. 5 – ano14 – maio de 1990

Artigos Recomendados:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seus comentários podem ajudar a melhorar o blog e também podem ajudar outros leitores.
Comente e critique se preferir..

NOTE QUE: Como os comentários realizados vão sempre aparecendo no fim da lista, ÀS VEZES, nas postagens com grande número de comentários, será necessário clicar no "CARREGAR MAIS" ou "CARREGANDO", que está logo aí acima, para que se possa visualizar o comentário feito e suas respectivas. respostas.
Faça isso até chegar ao final da listagem.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...